Procura-se emprego: De cada três novos desempregados no mundo em 2017, um será brasileiro!

[Agência Estado / VIA: UAI] – Genebra, 12 – O Brasil terá em 2017 o maior aumento do desemprego entre as economias do G-20 e adicionará 1,4 milhão de novos trabalhadores sem emprego à sociedade até 2018. Os dados são da Organização Internacional do Trabalho (OIT) que, em um informe publicado nesta quinta-feira, 12/01/2017, alerta que o desemprego no País vai continuar a se expandir para atingir um total de 13,8 milhões de brasileiros até o ano que vem.

A OIT estima que, entre 2016 e 2017, o exército de desempregados no planeta aumentará em 3,4 milhões. Mas o epicentro dessa crise será o Brasil, responsável por 35% desse número, com 1,2 milhão em 2017 e mais 200 mil em 2018. De cada três novos desempregados no mundo, um será brasileiro.

Em termos absolutos, o Brasil terá a terceira maior população de desempregados entre as maiores economias do mundo, superado apenas pela China e Índia, países com uma população cinco vezes superior à do Brasil. Nos EUA, com uma população 50% superior à brasileira, são 5 milhões de desempregados a menos que no País.

“As coisas vão piorar no Brasil antes de voltar a melhorar”, alertou o economista-senior da OIT, Steve Tobin. Pelos dados da entidade, o número de brasileiros sem empregos passará de 12,4 milhões em 2016 para 13,6 milhões em 2017. Para 2018, o número total chegará a 13,8 milhões.

Em termos percentuais, o salto no desemprego no Brasil vai ser o maior entre as economias do G-20. A taxa irá passar de 11,5% em 2016 para 12,4% em 2017. Ao final de 2018, apenas a África do Sul terá um índice de desemprego ainda superior ao do Brasil.

Na avaliação de Tobin, existem indicações de que a economia brasileira vai começar a se recuperar em 2018. Mas um impacto no mercado de trabalho não seria imediato, já que empresas tendem a aguardar antes de voltar a contratar. “Mesmo que o PIB melhore, existe uma reação retardada no mercado de trabalho”, explicou. Na avaliação da entidade, a recessão em 2016 no Brasil foi “mais profunda que antecipada” e que essa realidade ainda vai se fazer sentir em 2017.

Um dos temores ainda da OIT é de que a informalidade no mercado de trabalho brasileiro cresça, assim como a taxa de pessoas em empregos precários.

Impacto

Na OIT, os economistas não escondem que os números brasileiros tiveram um impacto mundial e afetaram os cálculos gerais. Para a entidade, como consequência, a América Latina tem hoje o maior desafio do desemprego no mundo, diante da recessão e suas consequências em 2017. Além disso, o continente conta ainda com uma população jovem, pressionando o mercado de trabalho.

No total, a região deve terminar 2017 com uma taxa de desemprego de 8,4%, 0,3 pontos a mais que em 2016. “Isso será amplamente gerado pelo aumento do desemprego no Brasil”, disse a OIT, lembrando que a recessão de 2016 foi a segunda em menos de uma década.

De acordo com a entidade, com uma contração do PIB brasileiro de 3,3% e 2016, o resultado foi um impacto em toda a região e nas exportações de países vizinhos. O cenário brasileiro acabou levando o PIB regional a sofrer uma queda de 0,4%. Quanto mais dependente do Brasil, pior foi o resultado para o continente. Na América Central, por exemplo, a expansão do PIB foi de 2,4%. Já na América do Sul, a queda foi de 1,8%.

Uma das consequências deve ser ainda o grau de vulnerabilidade, mesmo entre aqueles com trabalho. Entre 2009 e 2014, esses problemas foram alvo de amplas melhorias. Mas com o fim do crescimento regional em 2015, a taxa de trabalhadores em condições precárias aumentou de novo e passou de 90,5 milhões naquele ano para uma estimativa de 93 milhões ao final deste ano.

No médio prazo, a OIT vê a região com certo otimismo. A tendência aponta para uma estabilização dos preços de commodities e as “incertezas políticas e macroeconômicas começam a diminuir”. O resultado seria uma volta do crescimento do PIB na região já em 2017, de cerca de 1,6%.

Mas, ainda assim, a pressão sobre o mercado de trabalho vai continuar e o número de desempregados aumentará. Isso por conta da expansão da população jovem continuar a um ritmo mais acelerado que a criação de postos de trabalho.

Mundo

Pelo mundo, a OIT alerta que o desemprego também deve aumentar em 2017, mas apenas de forma marginal. No total, serão 3,4 milhões de novos desempregados, uma taxa de 5,8%, contra 5,7% em 2016.

Isso significa que um total de 201 milhões de pessoas estarão sem trabalho neste ano, um número que irá aumentar em outros 2,7 milhões em 2018.

Se no início da década a explosão no desemprego foi gerado pela crise nos países ricos, agora os números apontam para os emergentes. Nas economias desenvolvidas, o número total de desempregados passará de 38,6 milhões de pessoas para 37,9 milhões entre 2016 e 2017. Mas, no mundo em desenvolvimento, ele subirá de 143,4 milhões para 147 milhões.

Para Guy Ryder, diretor-geral da OIT, o crescimento da economia mundial continua a ser “frustrante”, o que deve criar sérios problemas para que mercados gerem postos de trabalho.

Além do desemprego, a OIT alerta para o fato de que 42% daqueles com um trabalho ocupam postos com alta taxa de vulnerabilidade, baixos salários e nenhum direito. “Nos países emergentes, quase um em cada dois trabalhadores vive uma situação de vulnerabilidade”, disse Tobin, economista da OIT.

Sem um crescimento suficiente da economia mundial, essa população com trabalhos precários deve aumentar em 11 milhões de pessoas. O número de trabalhadores ganhando menos de US$ 3,10 por dia deve também aumentar e mais de 5 milhões em apenas dois anos.

Procura-se emprego: mestre em Biologia distribui currículos em sinal de trânsito no RJ.

A crise econômica no Brasil é tanta e sem precedentes que muitos com nível superior estão circulando pelo trânsito, entre os carros no sinal vermelho, para distribuir seus currículos aos motoristas que param pelo local em busca de oportunidades no mercado de trabalho. Tamanho é o desespero!

(Crédito: Arquivo Pessoal / Facebook)

(13/01/2017) – Uma atitude de uma mulher chamou a atenção de internautas e de moradores do bairro de Botafogo, localizado na zona sul da cidade do Rio de Janeiro, na última quinta-feira (12). Isto porque ao contrário dos comerciantes e artistas que circulam entre os carros no sinal vermelho, Amanda Brum, que é mestre em Biologia, estava distribuindo seu currículo aos motoristas que paravam pelo local e registrou o momento em uma de suas redes sociais.

De acordo com as informações contidas na postagem de sua página no Facebook, ela é formada em Ciências Biológicas pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, com mestrado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e com doutorado pela Fundação Oswaldo Cruz. Atualmente, Amanda faz o 3º pós-doutorado com uma bolsa concedida pela instituição de fomento FAPERJ e está à procura de um emprego.

Na publicação, Amanda relatou que há quase 2 meses não recebe auxílio e nem mesmo sabe quando receberá novamente, e por conta disso, resolveu iniciar uma “ação” pelas ruas da capital carioca.

(Crédito: Arquivo Pessoal)

Em poucas horas, o post alcançou um bom número de pessoas e teve 12 mil curtidas, além de ter sido compartilhado mais de 10 mil vezes em menos de 24 horas. Nos comentários, a atitude da bióloga gerou elogios dos internautas. “A triste realidade da legião de doutores desempregados do nosso país. Força Amanda, você vai conseguir. Que Deus te abençoe”, disse um internauta.

Por fim, Amanda prometeu “novos capítulos” aos que desejaram apoio através das mensagens. [FONTE: R7]

MAIS…

>> Leia também: Auditoria Cidadã: A farsa da crise e do rombo da Previdência Social

>> Leia também: ONU denuncia: “A PEC 55 prejudicará os pobres durante décadas no Brasil”

>> Leia também: Entenda o significado de calamidade pública no Rio de Janeiro e o que está por trás!

>> Leia também: Garotinho: “O Globo recebeu R$ 2 bilhões de Sergio Cabral”

>> Leia também: FAMÍLIA PROPRIETÁRIA DA REDE GLOBO É A MAIS RICA DO BRASIL

>> Leia também: Denúncia: Como a Rede Globo conseguiu renovar a concessão apesar de dever ao Fisco!

>> Leia também: Nosso investigador e o triplex dos Marinho: todos os caminhos levam ao Panamá; veja os documentos

>> Assista: Documentário – Muito Além do Cidadão Kane (A História Secreta da Rede Globo) – 1993

>> Leia também: Documento Secreto revela planos dos EUA sobre o Nióbio do Brasil

>> Leia também: Contrabando do Nióbio brasileiro tem o dedão dos barões da imprensa

>> Leia também: O escândalo da venda da Companhia Vale do Rio Doce e o desmonte da Petrobras!

>> Leia também: Mariana-MG foi mais uma vítima do desgoverno neoliberal do “entreguista” FHC que a Rede Globo oculta!

>> Leia também: NIÓBIO: O QUE PODERIA SER A REDENÇÃO DO BRASIL SE TORNA O CAMINHO SEM VOLTA PARA A TERCEIRA GUERRA MUNDIAL

MAIS…

>> Leia também: Tudo sobre Criptomoedas

>> Leia também: Ouro Digital: “O Bitcoin se tornará o padrão do mundo”

>> Leia também: Entenda como é uma transação feita com a moeda virtual Bitcoin

>> Leia também: CRIPTOMOEDAS: A HISTÓRIA DA ECONOMIA ESTÁ SENDO REESCRITA. NÃO FIQUE DE FORA DESSA E NÃO PERCA A OPORTUNIDADE DE VENCER!

>> Leia também: PayPal passa a aceitar o Bitcoin!

>> Leia também: Moeda física tem data para acabar, diz diretor-geral do PayPal na AL

>> Leia também: Mundo em transição: Rússia e China prestes a anunciar o fim da era do dólar americano?

>> Leia também: Oculto Revelado: Reunião do Clube Bilderberg 2016!

>> Leia também: Bilderberg: Misteriosa conferência reúne elite mundial na Alemanha!

>> Leia também: A Nova Ordem Mundial: O Jogo Illuminati

>> Leia também: Tsunami nacionalista populista avança no mundo todo!

>> Leia também: A Nova Ordem Mundial de Apocalipse 13 e 17 em Detalhes!

>> Leia também: Julian Assange: “Google não é o que parece”, eles “fazem coisas que a CIA não pode”

>> Leia também: Patriarca Kirill de Moscou pede a recuperação de “valores” de Lênin e Stálin

>> Leia também: RELIGIÃO ÚNICA A TODO VAPOR: Papa Francisco vai à Sinagoga e dias depois recebe convite para visitar a maior Mesquita do Ocidente

>> Leia também: NOM: Papa Francisco diz que a Rússia é chave para a paz e pede ao Irã que trabalhe pela paz no Oriente Médio e combata o terrorismo

>> Leia também: Brexit: O Filme – A liberdade não está livre!

>> Leia também: Guerra de titãs: Globalistas vs Nacionalistas!

>> Leia também: Os 4 Cavaleiros do Apocalipse e a Cronologia do Fim!

>> Leia também: Mídia: Berlim e Paris planejam ‘Superestado europeu’ em vez da UE

>> Leia também: Dialética de Hegel: Islã, Cristianismo e Profecias…Revolução política em efervescência na Europa e no Ocidente!

>> Leia também: Premiê britânica: ‘Saímos da UE, mas não abandonamos a Europa’ – Nova Margaret Thatcher? Quem é Theresa May?

>> Leia também: Nova Thatcher? Quem é Theresa May, a nova primeira-ministra do Reino Unido

>> Leia também: Nazismo e Comunismo (Direita e Esquerda), ambos manipulados pela elite capitalista

>> Leia também: Cenário Internacional: Reino Desunido = Desunião Europeia; Tese, Antítese = Síntese

>> Leia também: Carta escrita pelo ‘Papa’ da maçonaria Albert PIke em 1871 (século XIX) revela a 3ª Guerra Mundial. Chocante!

>> Leia também: Uma nova Europa? O Reino Unido ainda pode voltar atrás no Brexit? Entenda a diferença entre Inglaterra, Grã-Bretanha e Reino Unido

_______
Siga APCNEWS no Facebook e Twitter

Deixe seu comentário!
Mais em Brasil
Mudança trabalhista proposta no Brasil causou epidemia de mortes no Japão!

Por André Campos, para a Repórter Brasil / Via: UOL O suicídio de uma funcionária da maior agência de publicidade do...

Fechar