“Comprem Bitcoin enquanto está barato”, disse Kim Dotcom depois do anúncio do Bitcache e volta do MegaUpload

6 de agosto de 2016 –

Kim Dotcom

Kim Dotcom

O Megaupload 2.0 só chega em janeiro de 2017, mas o fundador Kim Dotcom já começou a espalhar a palavra. O serviço, que promete 100 GB de espaço grátis em nuvem para todos os usuários, entre outros benefícios, também terá algumas novidades misteriosas.

A novidade que Dotcom mais tem alardeado ainda é um pouco misteriosa, e ele não dá detalhes. Trata-se de algo chamado Bitcache, que só será detalhado no dia 20 de janeiro, mas que o empresário promete que levará o bitcoin para o mainstream e fará a moeda virtual disparar em valor (e, portanto, agora seria uma boa hora para comprar como investimento).

Segundo o fundador do site, toda transferência do Megaupload será ligada a uma pequena microtransação do bitcoin. Ninguém ainda sabe dizer o que isso quer dizer, no entanto, porque Dotcom propositalmente omite informações. Talvez os usuários paguem pelo uso? Talvez os usuários recebam bitcoins como incentivo para usar o serviço? Talvez ambos, cobrando um microvalor como US$ 0,00001 por enviar ou baixar um arquivo, mas pagando para os usuários que geram mais downloads? A certeza é que o recurso poderia movimentar grandes quantidades de dinheiro em forma de bitcoin.

O fato é que ele afirma que a novidade levará o bitcoin ao mainstream. Ele já havia afirmado que o Megaupload 2.0 será lançado com o banco de dados dos usuários do Megaupload 1.0, fechado em 2012, o que significa que o serviço já será lançado com 100 milhões de membros. Isso significa 100 milhões de carteiras de Bitcache.

O detalhe é que Kim Dotcom, prevendo o sucesso do seu serviço, alertou aos usuários para comprar Bitcoins enquanto ainda está barato:

Dotcom também afirma que o Bitcache resolve os problemas inerentes à bitcoin, mais especificamente às limitações do blockchain que já são bem conhecidas e que dificultam o uso da moeda em situações de grande volume de micropagamentos.

Por fim, Kim Dotcom também promete o máximo de privacidade possível, algo que ele tem levado a sério desde que o primeiro Megaupload foi fechado pelos Estados Unidos. “O Megaupload 2.0 levará a descentralização, anonimato e criptografia a um novo nível. Um pesadelo para a vigilância em massa e a censura”.

[FONTE: OLHAR DIGITAL / Via: Guia do Bitcoin]

Ainda nem começamos, esperem pelos próximos anos, com APENAS 1 BITCOIN quase se comprará uma casa no Brasil, não acredita? Pois é, anote a data de hoje e essa citação e me cobre! por Luiz Carlos Fernandes

MAIS…

>> Leia também: Tudo sobre Criptomoedas

>> Leia também: Entenda como é uma transação feita com a moeda virtual Bitcoin

>> Leia também: CRIPTOMOEDAS: A HISTÓRIA DA ECONOMIA ESTÁ SENDO REESCRITA. NÃO FIQUE DE FORA DESSA E NÃO PERCA A OPORTUNIDADE DE VENCER!

>> Leia também: PayPal passa a aceitar o Bitcoin!

>> Leia também: Moeda física tem data para acabar, diz diretor-geral do PayPal na AL

>> Leia também: Mundo em transição: Rússia e China prestes a anunciar o fim da era do dólar americano?

>> Leia também: Oculto Revelado: Reunião do Clube Bilderberg 2016!

>> Leia também: Bilderberg: Misteriosa conferência reúne elite mundial na Alemanha!

>> Leia também: A Nova Ordem Mundial: O Jogo Illuminati

>> Leia também: Mídia: Berlim e Paris planejam ‘Superestado europeu’ em vez da UE

>> Leia também: Brexit: O Filme – A liberdade não está livre!

>> Leia também: Cenário Internacional: Reino Desunido = Desunião Europeia; Tese, Antítese = Síntese

>> Leia também: Guerra de titãs: Globalistas vs Nacionalistas!

_______
Siga APCNEWS no Facebook e Twitter

Deixe seu comentário!
Mais em Criptomoedas
Bitcoin supera o ouro no Brasil

Ainda nem começamos, esperem pelos próximos anos, com APENAS 1 BITCOIN quase se comprará uma casa no Brasil, não acredita?...

Fechar